domingo, 2 de agosto de 2009

Revista Época: quando o tiro sai pela culatra


Meus caros, as revistas semanais sempre pautam matérias que vão repercutir nos tambores da mídia. Nem sempre algumas reportagens conseguem atingir o objetivo esperado da repercussão semanal. O problema é que essas revistas acabam por incorrer em um sensacionalismo, que podemos chamar de grã-fino, ou então no denuncismo vazio preconizado por Alberto Dines.

Toco neste assunto,em virtude de ter recebido uma sugestão do sempre amável André Costa, que repassou-me um abaixo-assinado digital do Grupo Nacional de Apoio à Adoção, no qual é manifestada uma moção de repúdio contra à capa da Revista Época (20/07). Na edição foi apresentada uma matéria de capa intitulada: o lado B da adoção. A entidade condena a reportagem por entender que o trabalho negativa o processo de adoção no Brasil, e reforça os tabus existentes contra o tema. Enfim, são assuntos que obviamente merecem ser abordados, mas com um olhar sério e responsável, sem apelações sensacionalistas.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...